O Jornal mais lido de Pinhais

Get Adobe Flash player

A Educação de Jovens e Adultos atende centenas de pessoas anualmente e transforma a vida daqueles que, muitas vezes, já não tinham esperança de voltar aos bancos escolares

Para muitos, escrever o próprio nome, conseguir identificar qual ônibus pegar, ler um livro para os filhos, podem parecer simples e banais atividades diárias. Mas já pensou que milhares de pessoas não conseguem realizá-las? São com essas realidades que se deparam os professores da Educação de Jovens e Adultos (EJA). E a formatura realizada na última terça-feira (11) em Pinhais é o resultado da superação destes obstáculos.

Coordenada pela Secretaria Municipal de Educação de Pinhais, a EJA atende centenas de pessoas anualmente e transforma a vida daqueles que, muitas vezes, já não tinham esperança de voltar aos bancos escolares. O evento realizado formou mais de 50 alunos das Escolas Municipais Antonio Andrade, 31 de Março, Dona Maria Chalcoski, Lírio Jacomel, Marins de Souza Santos, Professora Thereza Correa Machado.

Considerado território livre do analfabetismo, Pinhais celebra este momento que reforça a preocupação em investir na educação, além das crianças, também de jovens, adultos e idosos.  Presente na entrega da certificação, a vice-prefeita de Pinhais, Rosa Maria, falou sobre este tema. “A educação é feita por muitas mãos, mas a presença dos familiares representa que só é possível momentos como estes quando realmente há apoio de todos. Esta é uma noite muito especial, até porque tenho um familiar entre os formandos, que é o nosso exemplo de superação. A educação transforma, eu sou filha de pais não alfabetizados e dou muito valor a esta formatura. Parabenizo a Secretaria de Educação e todos os profissionais que tornam tudo isso realidade”, declarou a vice-prefeita.

A finalização desta importante etapa na vida dos alunos EJA Pinhais foi acompanhada por familiares e amigos que vibraram a cada momento especial da cerimônia regada de emoção e histórias de superação, como a de Cecolson Hesital, haitiano que adotou o Brasil e Pinhais como sua casa, há seis meses, e em um bom português – com sotaque - dividiu com o público sua gratidão especialmente aos professores que o acompanharam neste período. Ao seu lado, Thiago Dias Camelo também relatou as inúmeras superações resultantes de ser aluno EJA. “Eu tinha muita vergonha, nem olhava para o rosto das pessoas, não reconhecia a letra do meu nome e nem escrevia ele. Agora eu sou outra pessoa, sou muito feliz, a EJA mudou minha vida. Graças as professoras e também a minha esposa”, disse feliz.

A secretária de Educação de Pinhais, Andrea Franceschini, “Agradeço a Solange coordenadora da EJA, também as diretoras, os professores, pedagogas, estagiários, aos familiares que estão sempre muito presentes. Vi filhos, irmãos, esposas chorando pela alegria da conquista dos seus. Fico muito feliz em poder acompanhar este momento, é realmente um momento de muita emoção e orgulho”, declarou a secretária de Educação.

Também estiveram presentes a coordenadora da EJA, Solange do Rocio Penna; o vice-diretor do CEEBJA, Marcos Oliver; diretoras e professores da unidades de ensino; e para receber uma menção honrosa por todo o trabalho realizado com os alunos, Eunice Ângela Rufino, ou simplesmente a Nice.

PUBLICIDADE LEGAL

 

PUBLIQUE SÚMULAS

FALE CONOSCO

tudoPinhais@gmail.com

(41) 36638447

41-99690-0125

 

CONTATO COMERCIAL

atendimento pelo email:

tudoPinhais@gmail.com

 

Visitantes

003779111
Hoje
Ontem
Ultima Semana
Ultimos Mêses
Este Mês
Último Mes
Total Geral
991
1556
12086
3752519
37448
44407
3779111

Your IP: 162.158.78.176
Server Time: 2020-01-26 14:18:15

Facebook