O Jornal mais lido de Pinhais

Get Adobe Flash player

As doações já estão sendo entregues às famílias, após um protocolo de biossegurança recomendado para o manejo das arrecadações, por conta da pandemia

 

Desde o dia 22 de abril, a Secretaria Municipal Assistência Social (Semas) iniciou a Campanha do Agasalho com o tema  “Ajude Quem Mais Precisa”, para receber doações de agasalhos, cobertores novos e usados em bom estado. Até o momento, já foram arrecadadas mais de 2 mil peças, as quais já estão sendo entregues para as famílias em situação de vulnerabilidade social, atendidas pela Semas. Antes de chegar à destinação final, as doações passam por um protocolo de biossegurança, recomendado para o manejo, por conta da pandemia. 

A iniciativa ocorre anualmente e tem como objetivo atender a população em situação de vulnerabilidade social, dando destino aos donativos e levando conforto nos dias mais frios. 

A secretária municipal de Assistência Social, Rosangela Batista da Silva Duarte, destaca que, preferencialmente, os itens doados estejam higienizados e em bom estado de conservação. “Estamos vivendo um momento muito difícil, decorrente da pandemia de Covid-19 e doar roupas e agasalhos é um ato de amor para aqueles que necessitam. Estando limpos, evita-se a propagação da doença e facilita o trabalho da equipe, além de garantir que as pessoas recebam peças selecionadas, limpas e em condições de uso. Quanto maior nossa solidariedade, menor será o frio e a necessidade das famílias em vulnerabilidade”, ressaltou a secretária. 

Triagem e entrega com segurança

Em decorrência da pandemia, uma das principais preocupações é a questão de manter a segurança daqueles que fazem a triagem e dos que recebem as doações. Com isso, foi estabelecido um protocolo de biossegurança, recomendado para o manejo dos agasalhos e cobertores, desde o recebimento, passando pela coleta, triagem, armazenamento e destinação final. Para tanto, estabeleceu-se um fluxo para nortear o processo da Campanha de Agasalho:

Ainda, cabe ressaltar que a separação das peças e montagem de kits baseia-se nas necessidades das famílias cadastradas (número de pessoas, tamanhos das roupas, entre outros fatores). A entrega é realizada nos equipamentos por meio de agendamento. 

As doações podem ser feitas até o dia 22 de julho nos locais onde foram disponibilizadas caixas para coletas, que são órgãos e equipamentos públicos, empresas, indústrias e estabelecimentos comerciais que contribuem e se dispõem a serem ponto de coleta, solidarizando à causa.

Serviço

Os locais para doação podem ser consultados no site da Prefeitura de Pinhais


Com o benefício, as famílias podem adquirir, nos comércios credenciados, itens de higiene, vestuário, cama e banho e artigos de bebê

 

Neste ano, a Prefeitura de Pinhais, por meio da Secretaria de Assistência Social criou o Cartão Natalidade para atender as gestantes em vulnerabilidade e/ou risco social do município. Com o benefício, as famílias podem adquirir, nos comércios credenciados, itens de higiene, vestuário, cama e banho e artigos de bebê para atender às necessidades imediatas do recém-nascido. 

Para ter acesso a este benefício, é necessário entrar em contato com os Centros de Referência da Assistência Social (CRAS) e passar por avaliação da equipe técnica. Os moradores do bairro Jardim Amélia, Vivian Danyeli dos Santos e Luiz Otávio da Silva Amoras receberam o benefício. “Somos pais dos gêmeos Lucas e Luyza, hoje com dois meses, e o cartão será de muita valia para comprarmos leite, fraldas, entre outras coisas para eles. Sem dúvida vai ajudar muito”, revela Vivian.

“Além do atendimento às famílias nas suas necessidades, o cartão visa estimular o comércio local. Com ele também é possível promover a aquisição do enxoval na quantidade necessária e com liberdade da mãe na escolha dos produtos. O cartão é confeccionado preferencialmente no nome da mãe, para que ela faça a administração desse recurso. Isso faz com que se fortaleça a autonomia e as ações de vínculo entre mãe e bebê”, explica Micheli Cristina Strapasson Ribeiro, do Departamento de Proteção Social Básica.

“A oferta deste benefício eventual, por situação de nascimento, também tem o objetivo de evitar ou superar inseguranças e vulnerabilidades sociais vivenciadas pelas mães e famílias nos processos que envolvem o nascimento. Isso impacta na convivência, na autonomia, na renda, enfim, na capacidade de viver dignamente e de proteger uns aos outros no grupo familiar. A Proteção Social refere-se à oferta de serviços e recursos que venham a minimizar o dano, atender a necessidade imediata e contribuir para a superação da vulnerabilidade a que a família está submetida”, ressalta Micheli.

Serviço

Para entrar em contato com o CRAS de sua região, e saber mais sobre o benefício, mande uma mensagem de WhatsApp para os seguintes números:

CRAS Norte: 98781-0570.

CRAS Sul: 98792-5001.

CRAS Leste: 98709-9474.

CRAS Oeste: 98786-8760.

Para a produção do plano, é necessária ampla participação e máximo envolvimento da população em todas as suas etapas

 

No mês de janeiro, a Prefeitura de Pinhais, por meio da Secretaria Municipal de Urbanismo, deu início à elaboração do Plano de Mobilidade Urbana - PlanMob de Pinhais. Para a produção do plano, é necessária ampla participação e máximo envolvimento da população em todas as suas etapas. Para isso, durante todo este ano, são realizados diversos encontros, como oficinas e audiências públicas, que possibilitarão levantar as principais demandas dos munícipes de Pinhais

“O PlanMob, que fará parte da política de desenvolvimento urbano do município, é essencial para integrar os diferentes modos de transporte, melhorar a acessibilidade e mobilidade de pessoas e cargas no município, e proporcionar o acesso amplo e democrático às oportunidades que a cidade oferece”, explica Leonardo Batistella Favretto, do Departamento de Planejamento Urbano.

“Até o momento, foram realizadas as pesquisas de avaliação do transporte coletivo, as contagens volumétricas de tráfego em pontos de grande circulação e também as pesquisas de origem/destino de cargas dentro da cidade. A Prefeitura tem trabalhado com o auxílio da empresa Cidade Viva, contratada para este processo”, salienta Leonardo.

O Plano é uma ferramenta estabelecida pela Política Nacional de Mobilidade Urbana (PNMU), instituída em abril de 2012 pela Lei Federal nº 12.587, e deve ser integrado ao Plano Diretor - que também se encontra em processo de revisão neste ano. “O Plano de Mobilidade deve incorporar os princípios da mobilidade sustentável, com foco no transporte coletivo e não motorizado”, finaliza.

Serviço

Todo o processo de elaboração do PlanMob e a agenda de eventos podem ser acompanhados pela página: https://mobilidadepinhais.com.br/. Nela, também é possível preencher uma consulta on-line e entrar em contato com a equipe responsável pela elaboração do plano.

A "Operação Bike" é realizada no município aos finais de semanas em trechos das Ciclorrotas Nascentes do Iguaçu

A Guarda Municipal de Pinhais (GM) iniciou neste mês de maio ações com foco na prevenção de assaltos a ciclistas que circulam pela cidade, a “Operação Bike”.

A ação ocorre aos finais de semana em locais onde há maior circulação de ciclistas, em especial, nos trechos das Ciclorrotas Nascentes do Iguaçu, como na região da Estrada da Graciosa, e na Rodovia João Leopoldo Jacomel, próximo ao Parque das Águas. Recentemente várias ocorrências de assaltos foram registradas nestes pontos por ciclistas e a GM intensificou os trabalhos para combater a situação.

No último domingo (23), mais uma ação foi realizada. As equipes da GM iniciaram a operação no começo do dia, às 5 horas da manhã. Segundo informações do superintendente da GM, Dorival Selbach Junior, uma unidade móvel fica em um determinado ponto da via e as equipes circulam com viaturas e motos pelas regiões e trechos por onde os ciclistas pedalam. “A ação inicia cedo, pois já no fim da madrugada temos grupos pedalando e o movimento vai aumentando, inclusive, com pessoas que estão em família. Já faz três semanas que estamos fazendo essa ação na Estrada da Graciosa, e na Rodovia João Leopoldo, além da Avenida Ayrton Senna. Esse trabalho da GM, de estar presente nos locais, já gerou resultados, pois não tivemos registros de ocorrências, por isso, daremos continuidade para combater os casos de assaltos a ciclistas”, afirmou o superintendente.

Entre os ciclistas, a iniciativa gerou mais segurança. Na opinião de Jocimara Ribeiro Linder, que pedala há 15 anos e faz parte de dois grupos de ciclistas de Pinhais, a operação foi necessária, pois casos envolvendo assaltos e furtos de bicicletas cresceram recentemente. “A GM de Pinhais quando ficou a par desta situação nas regiões, como a Estrada Ecológica e Parque das Águas, tomou essa atitude e estamos vendo a presença dos guardas durante os pedais, além das viaturas. Inclusive, tivemos casos onde acionamos a GM e alguns suspeitos foram revistados e abordados. Sem dúvida, essa ação nos deixa mais seguros para pedalar nos locais por onde passamos”, destacou.

Outra questão fundamental, é que caso algum ciclista sofra um assalto ou tenha sua bicicleta roubada, que registre o boletim de ocorrência (B.O). Essa é uma atitude importante, pois ajudará a Guarda Municipal a fazer um mapeamento das regiões e identificar os suspeitos, contribuindo para atuação dos guardas inibirem os autores e os índices de criminalidade.

O ex-governador do Paraná, Jaime Lerner, morreu aos 83 anos, nesta quinta-feira (27). A informação já consta nos obituários divulgados pela prefeitura de Curitiba. Lerner estava internado no hospital evangélico Mackenzie. O sepultamento acontecerá nesta quinta-feira (27) no cemitério israelita Santa Cândida. 

Lerner foi três vezes prefeito da Cidade de Curitiba, onde liderou a revolução urbana que fez da cidade referencia nacional e internacional em planejamento urbano, principalmente em transporte, meio ambiente, programas sociais e projetos urbanísticos.

 Em 1965, ele participou do desenvolvimento do Plano Diretor de Curitiba. Durante sua primeira gestão como prefeito da cidade, no período 1971 a 1975, Lerner consolidou as transformações da cidade e implantou o Sistema Integrado de Transporte Coletivo, reconhecido internacionalmente.

Ele ainda comandou a cidade de 1979 a 1983, e seu terceiro mandato foi de 1989 a 1992. O sistema de transportes integrado de Curitiba foi eleito como um dos 50 projetos mais influentes dos últimos 50 anos, de acordo com o Instituto de Gerenciamento de Projetos, que está presente em mais de 160 países. 

Sua gestão também foi marcada pela criação de parques arborizados, como o Jardim Botânico, inaugurado em 1991, e a Ópera de Arame, inaugurada no ano seguinte. Ambas obras se tornaram importantes pontos turísticos da cidade atraindo turistas de diversos estados desde a criação.

Eleito governador do estado do Paraná em 1994 e reeleito em 1998, Lerner conduziu importantes transformações socioeconômicas que resultaram em melhorias na qualidade de vida no campo e nas cidades.

O sistema de transportes integrado de Curitiba foi eleito como um dos 50 projetos mais influentes do mundo nos últimos 50 anos, de acordo com o Instituto de Gerenciamento de Projetos, que está presente em mais de 160 países. O BRT (Bus Rapid Transit) de Curitiba ocupou o 33º lugar ao lado de outras iniciativas importantes.

Entre 1970 e 1990, Lerner passou pelo Arena, PDS e PDT. Como governador de 1995 a 2002, passou pelos partidos PDT (durante o primeiro mandato) e pelo então PFL, atualmente DEM. 

Formado pela Escola de Arquitetura da Universidade Federal do Paraná em 1964, ele fundou do Instituto Jaime Lerner e a Jaime Lerner Arquitetos Associados (JLAA). Ele foi presidente da União Internacional dos Arquitetos (UIA) de 2002 a 2005.

Em 1990, Lerner recebeu o Prêmio Máximo das Nações Unidas para o Meio Ambiente. Em 1996, recebeu o prêmio da Unicef Criança e Paz, além de outros prêmios e títulos voltados à conservação do meio ambiente e planejamento urbado. O arquiteto também publicou diversos livros e artigos que tratavam da importância do urbanismo nas cidades. 

As vacinas serão aplicadas por ordem de cadastramento e não mais por faixa etária

 

A vacinação contra a Covid-19 entra em uma nova etapa. Agora pessoas com mais de 18 anos que se enquadraram no grupo de comorbidades, já podem realizar o cadastramento no site da Prefeitura de Pinhais (www.pinhais.pr.gov.br/vacina). Uma mudança é que agora o agendamento será por ordem de cadastramento e não mais por faixa etária. Além disso, também está autorizado o cadastramento de pessoas com deficiência que não recebem o Benefício de Prestação Continuada, o BPC.

Importante ressaltar que, em qualquer uma das modalidades, as vacinas serão aplicadas por agendamento, portanto, é necessário aguardar o contato das equipes da Secretaria de Saúde.

O modelo é diferente do que está sendo adotado em todo o País e será personalizado para atender a demanda entregue pelo Governo do Estado. O governador Ratinho Junior ressaltou que a união entre os diferentes atores da sociedade foi fundamental para dar força ao projeto.

 

 

A nova concessão das rodovias que cortam o Paraná será baseada em torno da menor tarifa oferecida ao usuário, sem limite de desconto na disputa na Bolsa de Valores, arrumando a modelagem de acordo com o anseio da população. A alteração na proposta original foi anunciada pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior durante entrevista coletiva nesta sexta-feira (21), no Palácio Iguaçu, em Curitiba, e é resultado das seguidas reuniões em Brasília (DF) do início desta semana.

O formato está alinhado ao documento proposto e encaminhado pelo G7, grupo das principais entidades do setor produtivo paranaense. Entre os pontos mais relevantes estão licitação da concessão pela menor tarifa, sem limite de desconto, além da garantia de execução das obras por meio de um depósito caução e adequação no degrau tarifário das pistas duplicadas.

O modelo é diferente do que está sendo adotado em todo o País e será personalizado para atender a demanda entregue pelo Governo do Estado. Ao encampar a proposta defendida pelo Paraná, o Ministério deixou de lado o chamado modelo híbrido, organizado em torno da menor tarifa de pedágio com limite de desconto, seguido de maior valor de outorga. 

“Hoje é um dia histórico e extremamente importante para o Paraná. Vencemos uma etapa importante no maior tema do Estado nos últimos 20 anos: o pedágio. Em 1997, o Paraná fez uma concessão com um modelo até hoje muito questionado devido à sua modelagem. Nossa missão era construir uma solução que corrigisse o erro do passado e criasse um futuro promissor e justo para a população, colaborando para o desenvolvimento social e econômico do Estado. Nós convencemos o Ministério da Infraestrutura que o Paraná merecia que nosso projeto fosse modificado”, afirmou Ratinho Junior.

O governador ressaltou que a união entre os diferentes atores da sociedade foi fundamental para dar a força que o projeto necessitava, unindo autoridades da Assembleia Legislativa do Paraná, da bancada federal, e da sociedade civil organizada e da iniciativa popular. 

“Há muitas décadas não havia uma união tão grande entre as autoridades do Paraná, em que todos demonstraram a potência da união política do Estado com a sociedade civil organizada e da população, que confiou na gente para resolver uma demanda histórica de todos os paranaenses”, afirmou Ratinho Junior.

"Nós fomos muito sacrificados pelo modelo atual. Por isso, precisávamos de um modelo que garantisse muitas obras para o Estado, junto do equilíbrio com a tarifa e com empresas que tivessem o compromisso de entregar um bom serviço à população. Teremos a concessão mais moderna do País", acrescentou o governador. "É a solução de um grande problema. Foi batalhado, lutado, sofremos aguentando 24 anos de pedágio caro. É uma honra liderar esse processo sem demagogia e com transparência".

A modelagem segue com mais de 3,3 mil quilômetros de rodovias concedidas, entre estaduais e federais, e 1,8 mil quilômetros de duplicações. O projeto prevê R$ 42 bilhões em investimentos nos próximos 30 anos, o que equivale a 120 anos do orçamento federal para rodovias aplicado apenas no Paraná.

É o maior pacote da América Latina e fará do Paraná um hub logístico do Cone Sul, segundo Ratinho Junior. Os atuais contratos de pedágio terminam em novembro.

BRASÍLIA – A mudança na modelagem aconteceu após uma agenda intensa do governador Ratinho Junior em Brasília. Ele se encontrou na capital federal com o presidente Jair Bolsonaro e com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, reforçando a necessidade da implementação de um modelo de pedágio que respeite o anseio da sociedade paranaense pela menor valor, sem outorga.

INVESTIMENTOS – Os novos traçados da concessão rodoviária, segundo demanda do Governo do Estado, estão divididos em seis lotes que totalizam 3.327 quilômetros. Os desenhos, porém, são diferentes do atual, já que incluem rodovias que não estavam contempladas até então, como a PR-323, no Noroeste, a PR-280, no Sudoeste, e a PR-092, no Norte Pioneiro, um incremento de 834 quilômetros no atual traçado. O conjunto é formado por estradas estaduais (35%) e federais (65%).

O projeto prevê investimentos de R$ 42 bilhões, com a duplicação de 1.783 quilômetros (90% até o sétimo ano do acordo), a construção de 10 contornos urbanos, 253 quilômetros de faixa adicional nas rodovias já duplicadas e 104 quilômetros de terceira faixa para apoio ao trânsito. A proposta contempla, ainda, sinal de wi-fi em todos os trechos de estradas, câmeras de monitoramento e iluminação em LED. As novas concessões têm validade de 30 anos.

"É uma oportunidade histórica. Vamos realizar a redução do custo logístico e de acidentes, e aumentar a competitividade dos nossos produtos. Vamos virar a página em favor do desenvolvimento do Paraná. O modelo proposto pretende chegar a quase 100% da malha viária concedida com pista dupla. Atualmente, está em 36%. Além disso, teremos 1.000 obras de arte (passarelas, trincheiras), 11 áreas de descanso para os caminhoneiros, cobertura de câmeras para detecção automática de incidentes, mas, acima de tudo, obras imediatas entregues no menor tempo com tarifas menores", afirmou o secretário estadual de Infraestrutura e Logística, Sandro Alex.

Ele reforçou que o processo será pautado pela transparência, com licitação na B3, em São Paulo. “Vai vencer a empresa que der o maior desconto junto da garantia dessas obras. A partir da próxima segunda-feira, os técnicos do Governo do Paraná e do Ministério da Infraestrutura vão trabalhar juntos para finalizar a modelagem de concessão para os primeiros lotes”, acrescentou Sandro Alex.

PRESENÇAS – Participaram do anúncio o vice-governador Darci Piana; o diretor-geral do DER-PR, Fernando Furiatti; o deputado federal e coordenador da bancada federal paranaense Toninho Wandscheer; e o presidente da Assembleia Legislativa do Paraná, Ademar Traiano.

 

Também estão entre o grupo a receber a vacina nesta fase, pessoas obesas, pessoas com síndrome de down e pessoas com deficiência que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC)

 

Nesta segunda-feira (10), gestantes e puérperas começaram a ser vacinadas contra a Covid-19 nas Unidades de Saúde da Família (USF) em Pinhais.  Também estão entre o grupo a receber a vacina nesta fase, pessoas obesas, pessoas com síndrome de down e pessoas com deficiência que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC).

Importante ressaltar que este público está sendo agendado pelas equipes das unidades de saúde de referência, não é necessário fazer cadastro pelo site da Prefeitura. Os pacientes também poderão entrar em contato com a sua USF via Whatsapp para mais informações sobre a vacinação.

A gestante, Luana Gros dos Santos, moradora do bairro Weissópolis, sente-se mais segura ao receber a primeira dose do imunizante. “Para mim, a vacina é algo super importante, a única coisa que vai salvar vidas, que pode nos prevenir de agravantes do vírus. Isso nos dá esperança de desfrutar daquilo que vivíamos há um tempo atrás. Sinto- me muito grata com este momento”, afirma.

Para a moradora do bairro Jardim Karla, Viviane Cristine Mendes, vacinar-se é um ato de cuidado consigo e com o próximo. “Minha filha está com 3 semanas e 4 dias e ao tomar a primeira dose sinto que estamos mais protegidas, correndo menos riscos. Digo para as pessoas que têm dúvidas que tomem a vacina, pois é algo importante. Mas mesmo assim não deixem de se cuidar, porque você pode estar imunizado, mas tem outras pessoas que não estão, portanto devemos manter todos os cuidados”, ressalta.

Segundo a moradora do bairro Weissópolis e beneficiária do BPC, Sandra Lopes, a vacinação traz a sensação de alívio diante dos riscos da Covid-19. “Estou muito feliz em receber a primeira dose. Tenho muita admiração e gratidão pelo trabalho realizado pelos profissionais da saúde. Receber a vacina me deixa aliviada, é muito importante me vacinar já que tenho poliomielite e leucemia. A preocupação é muito grande”, salienta.

Serviço

Para mais informações sobre a vacinação, entre em contato via WhatsApp com a sua USF de referência:

USF Esplanada - telefone: 3912-5346

USF Vargem Grande - telefone: 3912-5379

USF Perneta - telefone: 3912-5357

USF Perdizes - telefone: 3912-5349

USF Tebas - telefone: 3912-5370

USF Jardim Karla - telefone: 3901-5777

USF Tarumã - telefone: 3912-5361

USF Vila Amélia - telefone: 3912-5365

USF Weissópolis - telefone: 3912-5372

USF Ana Neri- telefone: 3912-5397

USF Maria Antonieta - telefone: 3912-5354

São 40 vagas iniciais, mas outras poderão surgir no decorrer do ano e os aprovados serão chamados de acordo com a necessidade e ordem de classificação

 

A Prefeitura de Pinhais está com inscrições abertas para o Processo Seletivo Simplificado que visa a contratação de professores para a rede municipal de Pinhais. Ao todo são 40 vagas iniciais (incluindo uma vaga para Pessoa com Deficiência) entre nível médio/técnico e superior, com remunerações que vão de R$ 2.236,05 até R$ 3.119,22. Mais vagas poderão surgir no decorrer do ano e os aprovados serão chamados de acordo com a necessidade da administração municipal e a ordem de classificação.

Os cargos disponíveis são de educador infantil, pedagogo, intérprete de libras e professor – o último inclui graduados em Pedagogia ou licenciatura plena em qualquer área do conhecimento.

A contratação será em caráter excepcional e temporário e a seleção ocorrerá por meio de prova de títulos e análise da experiência profissional. 

As inscrições iniciam às 9h do dia 7 de maio e seguem até as 23h59 do dia 24 deste mês (observado o horário oficial de Brasília/DF), e devem ser realizadas pelo site do Instituto AOCP, instituição organizadora da seleção, pelo site: www.institutoaocp.org.br. O valor da taxa de inscrição é a mesma para todos os cargos, R$25,00.

Para o cargo de educador infantil é necessário ter nível médio, com habilitação em Magistério/Formação de Docentes; ou graduação normal superior ou graduação em Pedagogia.

Para intérprete de libras é exigido ensino médio completo e certificado de proficiência em Tradução em Libras, emitido pelo MEC (Ministério da Educação), conforme Decreto Federal nº 5626/2005. Já para pedagogo, graduação em Pedagogia e para o cargo classificado como Professor, graduação normal superior, ou Pedagogia, ou licenciatura plena em qualquer área do conhecimento acompanhado do curso de nível médio com habilitação em Magistério/Formação de Docentes.

O cronograma completo, assim como todos os detalhes dos cargos e do processo seletivo podem ser verificados no Edital de Abertura, disponível no site da Prefeitura de Pinhais (www.pinhais.pr.gov.br) na aba concursos. 

 

Podem se cadastrar aqueles que se enquadrarem nos critérios, estabelecidos pelo Ministério da Saúde, e estiverem na faixa etária de 59 a 55 anos

 

Com a finalização da vacinação da primeira etapa - a imunização dos idosos, referente à primeira dose, a Prefeitura de Pinhais inicia, nesta sexta-feira (7), a aplicação da vacina no grupo de pessoas com comorbidades, no Expotrade. Inicialmente serão imunizados aqueles que se enquadrarem nos critérios, estabelecidos pelo Ministério da Saúde, e estiverem na faixa etária de 59 a 55 anos. 

Até o momento já foram aplicadas mais de 25 mil doses - 1ª e 2ª dose -, em moradores do município que fazem parte dos grupos prioritários. “A organização e agilidade do nosso sistema de vacinação foram reconhecidas pela população e pelo Governo do Estado, e isso tanto na aplicação em domicílio, como no drive. O que também nos dá tranquilidade para seguir com este sistema”, destaca a secretária de Saúde, Adriane da Silva Jorge Carvalho. 

“Avançando agora para este outro grupo, lembrando que dependemos do quantitativo de doses para que isso ocorra. Importante dizer que a vacina é para pessoas acima de 18 até 59 anos, com comorbidades, mas a realização será por fase de idade decrescente como fizemos com os idosos”, explica a secretária de Saúde de Pinhais

Comorbidades e como comprovar

  • Doenças respiratórias - Receita médica (com validade de no máximo 24 meses), contendo a prescrição de pelo menos um corticoide (via oral ou inalatória);

  • Doença renal crônica - Laudo do médico especialista onde faz o acompanhamento do tratamento conservador ou Diálise Peritoneal. Pessoas que fazem HEMODIÁLISE - serão vacinadas na Clínica que fazem tratamento; 

  • Doença hepática crônica - Laudo do médico especialista onde faz o acompanhamento;

  • Doença neurológica crônica - Qualquer documento que comprove a doença; 

  • Diabetes - Receita médica (com validade de no máximo 24 meses) com a prescrição de pelo menos um hipoglicêmico; 

  • Transplantados - Qualquer documento que comprove o transplante; 

  • Imunossupressão - Laudo do médico especialista onde faz o acompanhamento; 

  • Doença falciforme ou talassemias - Laudo do médico especialista onde faz o acompanhamento; 

  • Doença cardíaca crônica (hipertensão grave) - Receita médica (com validade de no máximo 24 meses) , contendo a prescrição de pelo menos três anti-hipertensivos; 

  • Demais doenças cardíacas - Laudo do médico especialista onde faz o acompanhamento. 

Gestantes; puérperas; obesos (com IMC acima de 40); pessoas com síndrome de down e  pessoas com deficiência que recebem o BPC, estes serão agendados pelas unidades de saúde de referência, ou poderão ainda entrar em contato com a USF via Whatsapp, não é necessário fazer cadastro pelo site.  

Serviço

O cadastro para o grupo de comorbidades, bem como os detalhes sobre quem se enquadra nesta etapa está disponível no site da Prefeitura (www.pinhais.pr.gov.br/vacina).

Equipes da Semma percorreram cerca de 40 ruas do bairro coletando diversos tipos de materiais

 

Nesta semana a Prefeitura de Pinhais, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma), realizou o 56º Mutirão de Educação Ambiental e Limpeza. A ação aconteceu durante toda a semana, e nesta edição beneficiou os moradores do bairro Atuba. 

Para a realização do programa, as equipes da Semma percorreram cerca de 40 ruas do bairro. Entre os serviços oferecidos estão as coletas de resíduos orgânicos, recicláveis, óleo de cozinha usado, resíduos verdes, madeiras e móveis inservíveis, resíduos eletrônicos e pequenas quantidades de entulhos (restos de construção).

PUBLICIDADE LEGAL

 

PUBLIQUE SÚMULAS

FALE CONOSCO

tudoPinhais@gmail.com

(41) 36638447

41-99690-0125

 

CONTATO COMERCIAL

atendimento pelo email:

tudoPinhais@gmail.com

 

Visitantes

004877713
Hoje
Ontem
Ultima Semana
Ultimos Mêses
Este Mês
Último Mes
Total Geral
1405
3108
17942
4843217
46198
87491
4877713

Your IP: 108.162.246.183
Server Time: 2021-06-20 19:03:42

Facebook