O Jornal mais lido de Pinhais

Get Adobe Flash player

Polícia Rodoviária Federal (PRF) já identificou motorista que não prestou socorro.

Um motociclista de 45 anos morreu na hora em um acidente na Rodovia do Xisto, BR-476, em Araucária, na região metropolitana de Curitiba. Ele foi colhido na traseira pelo motorista de um carro que fugiu ao notar que o motociclista caiu no chão. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) já identificou esse motorista.

O acidente aconteceu próximo a ponte do Rio Iguaçu, por volta das 4h30, na pista sentido Curitiba. O policial rodoviário federal Cristiano disse à Banda B que o atendimento foi bastante rápido, mas a vítima já estava morta.

“Fomos acionados para um atropelamento, mas quando chegamos vimos que tinha uma motocicleta jogada no canto. O automóvel colidiu contra a traseira da moto e fugiu, logo em seguida. Mas a gente conseguiu identificar o motorista, uma testemunha pegou a placa”, contou.

Para ele, o horário e as condições climáticas contribuíram para o acidente. “Nesse horário baixa uma cerração muito forte, provavelmente, isso pode ter sido uma das causas”, finalizou o policial.

O motociclista teve traumatismo craniano e morreu antes da chegada do socorro. Já o motorista foi identificado e será intimado a comparecer na delegacia para prestar esclarecimentos. Omissão de socorro é crime previsto no Código Penal e a pena pode variar de detenção, de um a seis meses, ou multa.

CONTATO COMERCIAL

atendimento pelo email:

tudoPinhais@gmail.com

 

Facebook