O Jornal mais lido de Pinhais

Get Adobe Flash player

Mais uma edição do Cine Pinhais acontece no CEU. O filme “Grilo Feliz” será exibido neste sábado (15), às 16h. A entrada é gratuita

O Filme “Grilo Feliz” será exibido neste sábado (15), às 16h. A entrada é gratuita

Exibindo cinema ceu - grilo.jpg

 

Foto: Divulgação

Neste sábado (15), o Centro de Artes e Unificados de Pinhais (CEU) recebe às 16h a exibição do filme “Grilo Feliz”. Essa ação faz parte do projeto Cine Pinhais, promovida pelo Departamento de Cultura da Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer do município. É importante destacar que a entrada é gratuita.


Confira a sinopse do filme:

Filme: O Grilo Feliz
Gênero: Animação
Direção: Walbercy Ribas
Classificação Indicativa: Livre

Sinopse: O Grilo Feliz é um dos habitantes de um pequeno povoado da Floresta Amazônica, que se destaca dos demais por ser sensível,  sábio e protetor. Além disso, o Grilo Feliz é músico e gosta de compor novas músicas com sua companheira Estrela Linda, que é a estrela mais brilhante do céu e é o alvo de Maledeto, um lagarto ambicioso que acredita que ela seja na verdade um diamante.

Serviço
O Filme “Grilo Feliz” será exibido neste sábado (15) às 16h no CEU. A ação faz parte do projeto Cine Pinhais. O Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU) fica na Rua Rio Trombetas, 828, no bairro Weissópolis. A entrada é gratuita.

 

A solenidade de abertura acontece às 20h, no Centro Cultural Wanda dos Santos Mallmann

Exibindo Abertura Fetaepi.JPG

Na próxima quinta-feira (13) terá início a 11ª edição o Festival de Teatro Amador Estudantil de Pinhais (FETAEPI). A solenidade de abertura acontece às 20h, no Centro Cultural Wanda dos Santos Mallmann. O evento trará para os palcos dramas, comédias, musicais, entre outros gêneros.

Sob a coordenação da Secretaria Municipal de Cultura, Esporte e Lazer (Semel), o festival contará com aproximadamente 525 integrantes, entre atores e equipe técnica. A premiação dos espetáculos ocorrerá no dia 22 de outubro, às 18h30, também no Centro Cultural Wanda dos Santos Mallmann.

Neste ano, o FETAEPI recebeu inscrições de mais de 70 espetáculos, que representam grupos dos municípios de Pinhais, Curitiba, Pontal do Paraná, Ponta Grossa, Campo Largo, Pato Branco, Arapongas, Ibiporã, São José dos Pinhais, Antonina, Colombo, Fazenda Rio Grande e Lapa. Destes, foram selecionados 33 espetáculos, entre as categorias amador e estudantil, além da mostra paralela que conta com trabalhos desenvolvidos nas oficinas e projetos realizados no Centro Cultural Wanda dos Santos Mallmann e pólos culturais espalhados pela cidade.

As apresentações ocorrerão até o dia 22 de outubro, no Centro Cultural Wanda dos Santos Mallmann e no Centro de Artes e Esportes Unificados, com espetáculos nos períodos da manhã, tarde e noite. O cronograma de apresentações se encontra no site da prefeitura de Pinhais.

Serviço

As apresentações são gratuitas e serão realizadas no Centro Cultural Wanda dos Santos Mallmann localizado na Rua 22 de Abril, 305, bairro Estância Pinhais e no Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU), que fica na Rua Rio Trombetas, 828, bairro Weissópolis.

 

O município foi citado por estar comprometido com a implementação de um sistema de gestão da qualidade, voltado às necessidades e expectativas dos cidadãos

Exibindo Revista ISO FOCUS.jpg

A última edição da revista ISO Focusdestacou o processo de implantação da Norma ABNT NBR ISO 18091:2014, preparatória para a Certificação do ISO 9001, em Pinhais. O município é o primeiro da América Latina habilitado para receber este reconhecimento de gestão de qualidade. A implantação está sob a coordenação da Controladoria Geral do Município, desde a assinatura do termo de adesão junto ao Observatório Social do Brasil.

Na publicação, é citado que: “é a primeira vez no Brasil que uma norma internacional de gestão, como a ISSO 18091 é formalmente adotada por meio de uma disposição legal”. Destaca ainda que “usando a versão brasileira ISSO 18091 (que fornece diretrizes para a aplicação local da ISSO 9001 para governo local), e orientações desenvolvidas pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), Pinhais foi capaz de desenvolver e adotar formalmente seu plano de ação 2016-2017, analisando sua situação atual e identificando ações para melhorias na sustentabilidade e administração”.

Para o controlador geral do município e coordenador do projeto, Edson Luiz Gelinski de Faria, a publicação no informativo ISO Focusé o reconhecimento internacional das iniciativas adotadas em Pinhais desde 2010. De acordo com Gelinski, a compreensão de que um dos maiores desafios do setor público é de natureza gerencial fez com que se buscasse um modelo de transformação rumo a excelência e, ao mesmo tempo, permitir avaliações comparativas de desempenho.

“A internalização do modelo, no ambiente da Prefeitura, revelou potencialmente órgãos da administração municipal, que em pouco tempo, utilizando-se das boas práticas de gestão, garantiram a Pinhais destaque em prêmios estaduais de qualidade”, afirma referindo-se ao Modelo de Excelência em Gestão Pública (MEGP).

Com isso, Pinhais ganhou projeção nacional e atraiu o interesse de organizações do porte da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT)e do Observatório Social do Brasil(OSB). “Percebe-se que observaram que o município reunia as credencias mínimas necessárias para implantar aqui, de forma pioneira na América do Sul, o ‘Projeto de Qualidade da Gestão Pública Municipal, de acordo com a norma ABNT NBR ISO 18091:2014 – Sistemas de Gestão da Qualidade – Diretrizes para a aplicação da ABNT NBR ISO 9001:2001 em prefeituras’”.

Foi então que a Prefeitura de Pinhais, com ênfase no trabalho de sua equipe, adotou o projeto, iniciando com a realização de um grande diagnóstico. “Teve início um checkup da gestão sob o enfoque de 39 indicadores de qualidade, nas áreas de boa governança, desenvolvimento econômico sustentável, social inclusivo e ambiental sustentável”, explica o controlador.

Esta autoavaliação da gestão gerou um compromisso público perante as organizações patrocinadoras, a sociedade e os servidores municipais (Decreto nº. 2488/2016), que em até dois anos, 129 ações de melhoria devem ser realizadas. “Resultado a ser alcançado visando a busca da confiabilidade mínima necessária para alçar níveis mais elevados de excelência requeridos pela Norma”, complementa Gelinski.

Gelinski explica que simultaneamente, foi iniciada a imersão na aplicação dos demais requisitos da Norma: Carta de Serviços, Pesquisa de Satisfação, Indicadores de Resultado, Auditorias nos Processos de Trabalho, entre outros temas, bem como a formação e qualificação dos servidores que levarão a frente este projeto.

“Foram necessários seis anos desde que demos os primeiros passos para obter esse reconhecimento a nível mundial, o momento é de celebrar, certos de que ainda não conquistamos nada, mas estamos na direção certa”, finaliza Edson Luiz Gelinski de Faria.

 

Exibindo Outubro Rosa.jpg

Durante este mês, algumas Unidades de Saúde da Família ampliam a disponibilização de exames preventivos e marcação de mamografias, atendem em horário estendido e desenvolvem campanhas educativas

Prevenir e combater o câncer de mama, este é o intuito da Campanha Outubro Rosa realizada pela Prefeitura de Pinhais, por intermédio da Secretaria Municipal de Saúde. A iniciativa, aderida no mundo todo, faz um alerta ao público feminino para a importância do diagnóstico precoce e dos exames preventivos, como o auto-exame da mama. Durante este mês, algumas Unidades de Saúde da Família ampliam a disponibilização de exames preventivos e marcação de mamografias, atendem em horário estendido e desenvolvem campanhas educativas.

Desde a década de 90, o Outubro Rosa é considerado o mês de conscientização e combate à doença. O câncer de mama é o tipo de câncer que mais acomete as mulheres em todo o mundo. “Em Pinhais também realizamos a prevenção do câncer de colo uterino, doenças sexualmente transmissíveis e doenças crônicas como hipertensão e diabetes”, explica Débora Beatriz Machado, do Departamento de Assistência à Saúde.

Idade

Segundo o Instituto Nacional do Câncer (Inca), relativamente raro antes dos 35 anos, o câncer de mama tem incidência rápida e progressiva em pessoas acima dessa faixa etária, e isso tanto em países desenvolvidos quanto naqueles em processo de desenvolvimento. Por isso, e como a idade é o principal fator de risco para a doença, toda mulher com 40 anos ou mais deve manter seu acompanhamento médico em dia, essencialmente até os 50 anos, depois disso, esse aumento ocorre de forma mais lenta, mas deve continuar inspirando cuidados. O ideal é que, até os 69 anos, a mamografia seja realizada a cada dois anos, no mínimo. Porém, outros fatores de risco da doença também precisam ser considerados, como a vida reprodutiva e a densidade do tecido mamário, afora o histórico familiar, entre outras coisas.

Atendimento nas Unidades de Saúde

Em Pinhais todas as Unidades de Saúde estão decoradas em alusão à campanha e o atendimento estendido em alguns equipamentos concede mais tempo para realização de exames e consultas. As USFs disponibilizam exames preventivos do câncer do colo do útero e consultas para solicitação de mamografias para pacientes em idade remendada pelo SUS, que é dos 50 aos 69 anos, ou ainda para casos especiais após avaliação médica da necessidade do procedimento. Abaixo as datas e horários das atividades em cada unidade.

11/10, das 14h às 16h30 – USF Weissópolis

13/10, das 14h às 16h30 – USF Maria Antonieta

14/10, das 17h às 21h – USF Esplanada

17/10, das 9h às 11h30 - USF Vila Amélia

18/10, das 14h às 16h30 – USF Weissópolis

19/10, das 14h às 16h30 - USF Maria Ana Nery

20/10, das 14h às 16h30 – USF Maria Antonieta

21/10, das 17h às 21h – USF Maria Antonieta, USF Tarumã, USF Vila Amélia, USF Tebas e USF Perdizes

24/10, das 9h às 11h30 - USF Vila Amélia

24/10, das 14h às 16h30 - USF Weissópolis

28/10, das 17h às 21h – USF Vargem Grande

Serviço

Mais informações sobre a Campanha Outubro Rosa em Pinhais, com o Departamento de Assistência à Saúde, pelo telefone 3912-5343.

 

A nova USF contará com consultórios para diversas especialidades, como por exemplo, ginecologia, pediatria e odontologia

Exibindo USF Karla.JPG

Seguem as obras na nova unidade de saúde de Pinhais. O bairro Jardim Karla será contemplado com uma nova USF que contará com consultórios para diversas especialidades, como por exemplo, ginecologia, pediatria e odontologia

 

A Prefeitura de Pinhais segue com as obras da nova Unidade de Saúde da Família do Jardim Karla. Esta unidade é uma antiga reivindicação da população e facilitará o acesso dos moradores que atualmente se deslocam até o bairro Jardim Amélia em busca de atendimento. Desta forma, também garantirá a otimização dos trabalhos realizados na USF Jardim Amélia.

 

Neste momento, as equipes estão realizando a fase de acabamentos internos em conjunto com os serviços externos. No projeto, estão previstos consultórios para diversas especialidades, como por exemplo, ginecologia e odontologia. Além de uma farmácia para distribuição de medicamentos, vacinas e sala para reuniões.

 

De acordo com a Secretaria de Obras Públicas de Pinhais, os próximos passos para a conclusão da obra são a instalação elétrica, pintura, estrutura metálica e equipamentos, além das rampas, calçadas, muros, grades e estacionamento.

A edificação da nova USF terá 511,39m², levando em conta as calçadas e estacionamento a obra deve passar dos 600m². O investimento da nova unidade de Saúde do Jardim Karla é de aproximadamente R$1.600.000,00 e todo o recurso é da Prefeitura de Pinhais. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, a obra deverá ser inaugurada até o final deste ano

As apresentações ocorrerão entre os dias 13 e 22 de outubro, no Centro Cultural Wanda dos Santos Mallmann e no Centro de Artes e Esportes Unificados

 

Em sua 11ª edição o Festival de Teatro Amador Estudantil de Pinhais (FETAEPI) trará para os palcos dramas, comédias, musicais, entre outros gêneros, durante os 10 dias do evento. As apresentações ocorrerão entre os dias 13 e 22 de outubro, no Centro Cultural Wanda dos Santos Mallmann e no Centro de Artes e Esportes Unificados, com espetáculos nos períodos da manhã, tarde e noite. Sob a coordenação da Secretaria Municipal de Cultura, Esporte e Lazer (Semel), o festival contará com aproximadamente 525 integrantes, entre atores e equipe técnica.

 

Neste ano, o FETAEPI recebeu inscrições de mais de 70 espetáculos, que representam grupos dos municípios de Pinhais, Curitiba, Pontal do Paraná, Ponta Grossa, Campo Largo, Pato Branco, Arapongas, Ibiporã, São José dos Pinhais, Antonina, Colombo, Fazenda Rio Grande e Lapa. Destes, foram selecionados 33 espetáculos, entre as categorias amador e estudantil, além da mostra paralela que conta com trabalhos desenvolvidos nas oficinas e projetos realizados no Centro Cultural Wanda dos Santos Mallmann e pólos culturais espalhados pela cidade.


Como parte da preparação para o festival e com o objetivo de auxiliar os atores, produtores e técnicos no processo de produção de seus espetáculos, a Semel disponibilizou gratuitamente aos grupos inscritos três oficinas de capacitação. Realizadas nos dias 10 e 11 de setembro, as oficinas foram ministradas por profissionais qualificados nas áreas de Direção Teatral - Ministrante: Arnaldo Silveira; Dramatização para Crianças – Ministrante: Eduardo Walger; e Oficina Combo para Atores – Ministrantes: Eduardo Mehl, Tuca Cabral e Ana Paula Andrade.

 

Confira o cronograma de apresentações:

\\srvad02\Comunicação\Imprensa\2016\FOTOS\10 - Outubro\FETAEPI Cronograma.jpg

 

Premiação

A premiação dos espetáculos ocorrerá no dia 22 de outubro, às 18h30, no Centro Cultural Wanda dos Santos Mallmann.

 

Serviço

A entrada para todas as apresentações é gratuita, as quais ocorrerão no Centro Cultural Wanda dos Santos Mallmann localizado na Rua 22 de Abril 305, bairro Estância Pinhais e no Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU), que fica na Rua Rio Trombetas, 828, bairro Weissópolis.

 

No próximo dia 22 acontece mais uma edição da Feira de Adoção de Animais

O evento será realizado das 13h30 às 17h30, no Bosque Municipal de Pinhais

No próximo dia 22, será realizada em Pinhais mais uma Feira de Adoção de Animais. A ação acontece das 13h30 às 17h30 no Bosque Municipal. Interessados em adotar deverão apresentar a carteira de identidade e o CPF, além disso, é necessário assinar um termo de compromisso. Os novos tutores receberão todas as orientações quanto aos cuidados com o novo membro da família.

De acordo com a organização, em caso de ocorrência de chuva, a feira fica automaticamente cancelada. A iniciativa é promovida por meio da Seção de Defesa e Proteção Animal, da Secretaria de Meio Ambiente. Para serem doados os animais devem estar devidamente vacinados, vermifugados e, os que possuam mais de seis meses de vida, castrados. A comprovação de tais procedimentos deve ser apresentada por meio de documento no dia da feira.

Ao se inscrever, por telefone, o doador deve saber da necessidade de providenciar meio de transporte para conduzir o animal até o local, bem como lhe proporcionar conforto, levando guia, cercado ou gaiola. Também caberá ao doador disponibilizar comida, água limpa e fresca, jornais ou caixas, e tudo deverá ser devidamente descartado ao final do evento. Além disso, deverá acompanhar seu animal até o término da feira, e caso o animal não seja adotado, ele continuará sob sua responsabilidade.

Serviço

O Bosque Municipal de Pinhais fica na Rua 24 de Maio, esquina com a Avenida Nossa Senhora da Boa Esperança, no Centro da cidade. Mais informações e inscrições com a Seção de Defesa e Proteção Animal, pelo telefone (41) 3912-5705.

 

Legenda Feira de Adoção: No próximo dia 22 acontece mais uma edição da Feira de Adoção Animal. O evento será realizado das 13h30 às 17h30 no Bosque Municipal de Pinhais

Manutenção no sistema de drenagem

Nesta semana a Rua João de Barro, localizada no bairro Jardim Cláudia recebe as equipes da Secretaria de Obras de Pinhais

Equipes da Secretaria de Obras Públicas de Pinhais trabalham na manutenção do sistema de drenagem da Rua João de Barro, localizada no bairro Jardim Cláudia. A ação atende as antigas solicitações dos moradores e tem como objetivo preparar a via para receber a aplicação de asfalto.

Depois de finalizada, a obra refletirá positivamente na trafegabilidade do local, aumentando a segurança de pedestres e motoristas que circulam pela região.

O governador Beto Richa liberou nesta segunda-feira (03) o trânsito para veículos e pedestres na trincheira construída no cruzamento da PR-415, mais conhecida como rodovia João Leopoldo Jacomel, com a rua Jacob Macanhan e a avenida Camilo Di Lelis, em Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba. 



A trincheira foi mais uma importante etapa concluída nas obras de duplicação e modernização de 14 quilômetros da rodovia. Cerca de 25 mil veículos passam diariamente pelo trecho, e a rodovia é o principal trajeto de muitos motoristas para ir da residência até o trabalho.

Richa também visitou as obras do viaduto que está sendo construído em frente ao Carrefour e destacou a importância do empreendimento para a região. “É a maior obra viária executada na Região Metropolitana de Curitiba, que era aguardada há muitos anos pela população de Pinhais e de Piraquara”, afirmou. “Nosso governo decidiu executar a duplicação e modernização desta importante via, que demanda R$ 162 milhões do caixa próprio do Estado. Apenas nesta trincheira, foram investidos R$ 14 milhões”, disse o governador. 

O tráfego, que já estava liberado sobre a trincheira no perímetro urbano desde julho, agora também será liberado na parte inferior. Neste momento, as equipes de trabalho contratadas pelo Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER-PR) fazem os últimos serviços e ajustes no local. Estão sendo concluídas as barreiras de proteção nos dois lados da trincheira, pavimentação das vias exclusivas para pedestres e ciclistas, sinalização horizontal e vertical em todo o trecho, encaixe do pavimento novo com o antigo e a limpeza da área.

“A conclusão de mais uma etapa representa um avanço nos planos do Governo em melhorar as condições de diversas rodovias da Região Metropolitana de Curitiba. Além da João Leopoldo Jacomel, que faz essa importante ligação entre Curitiba, Pinhais e Piraquara, também estamos concentrando nossos esforços na restauração da Estrada do Cerne, em Campo Magro”, afirmou o secretário de Estado de Infraestrutura, José Richa Filho.

Além da rodovia, os quatro acessos laterais que ligam a PR-415 ao centro e aos bairros de Pinhais também serão liberados para o trânsito.

MAIOR OBRA – O prefeito de Pinhais, Luiz Goularte Alves, afirmou que a duplicação da Leopoldo Jacomel é a maior obra já executada em toda a história do município. “É o maior investimento do Governo do Estado em nosso município”, disse. “Esta rodovia era o lugar onde tínhamos o maior número de acidentes de nossa cidade. Toda esta estruturação que está sendo feita em Pinhais vai resolver boa parte dos conflitos de trânsito de nosso município”, destacou Goularte.

Além de trazer mais segurança, a obra também dará mais agilidade aos motoristas que se deslocam em direção a Curitiba, disse o prefeito de Piraquara, Marcus Tesserolli. “Há muito tempo esperamos por esta obra, que também vai contribuir com a valorização e o desenvolvimento de Piraquara”, ressaltou. “Nos horários de pico, não conseguíamos chegar em Curitiba em um tempo hábil. Com a obra, o trabalhador que reside em Piraquara e trabalha em Curitiba vai ter sua vida facilitada”, afirmou.

EXPECTATIVA – Joadir Resnauer mora em Curitiba e trabalha em Piraquara e aguardou ansioso pelo término das obras na trincheira. “A expectativa foi grande, eu passo todos os dias pelos desvios e acompanhei as obras desde o começo. A liberação do trânsito na trincheira vai representar um ganho de tempo, vai melhorar o fluxo de veículos e facilitar o deslocamento de todos”, disse. 

Para quem trabalha em estabelecimentos próximos ao local das obras, a expectativa é de um trânsito mais seguro. “A conclusão da trincheira é muito importante para toda a população. Vai melhorar bastante, principalmente para os pedestres que atravessam a rodovia”, comentou a vendedora Carla Pereira. 

O comerciante Adilson Soares Santos, morador de Pinhais, disse que a obra irá facilitar a vida de quem vive ou trabalha na região. “Os moradores estão ansiosos com a duplicação. O tráfego vai melhorar muito, principalmente a locomoção dos moradores de Pinhais e Piraquara que utilizam a rodovia para chegar a Curitiba”, contou. 

OBRAS EM ANDAMENTO – Outra importante obra sendo executada é a fundação do viaduto próximo ao supermercado Carrefour, também em Pinhais. Só nessa etapa, 8.800 metros cúbicos de concreto e 1.400 toneladas de aço estão sendo utilizadas. A estrutura terá 200 metros de extensão e 26,60 metros de largura e irá isolar a linha férrea que passa pela PR-415, melhorando o fluxo de veículos e aumentando a segurança dos motoristas que passam pela região. A previsão é que as obras do viaduto sejam concluídas em 2017.

MODERNIZAÇÃO – O projeto de duplicação da PR-415 prevê uma série de obras feitas por etapas. Além da construção da trincheira e do viaduto, estão previstos dois bolsões de retorno, oito passarelas, seis muros de contenção, 14 quilômetros de calçadas e ciclovias e iluminação central em todo o trecho. 

Quando toda a duplicação for concluída, a PR-415 terá o número de pistas ampliado de duas para seis faixas, três em cada sentido da rodovia. O Governo do Paraná está investindo R$ 162 milhões em todas as obras.

Município elege sua primeira mulher prefeita da história com 82% dos votos válidos

Exibindo DSC_2125.JPG

Exibindo DSC_2143.JPG

Exibindo DSC_2155.JPG

 

Marli Paulino (PDT) é a nova prefeita de Pinhais. Ela que já havia sido eleita a primeira mulher vereadora em 1996 da história do município, quebra mais um tabu e se torna a primeira mulher eleita prefeita na cidade. Com ela, assumirá como vice-prefeita a vereadora Rosa Maria (PROS). As duas conseguiram obter a expressiva votação de 48.005 votos, o equivalente a 82,06% dos votos válidos. Seu principal concorrente, Airton Passarinho (PSDC) fez 9.006 votos, com 16,42%, seguido por Claudinho Stevani com 887 votos, 1,52%.

O principal fator que contribui para a significativa vitória de Marli foi a excelente aprovação que a administração do atual prefeito Luizão Goulart vem mantendo. Marli é a atual vice-prefeita e tem como característica ser bastante atuante e participativa das decisões. Segundo ela, a intenção é manter a cidade no caminho do desenvolvimento. “Estou muito feliz com o resultado e daqui pra frente quero retribuir esta confiança que a população de Pinhais está depositando em mim e toda a nossa equipe com muito trabalho. Vamos dar continuidade aos projetos que vem dando certo na cidade e aperfeiçoar algumas coisas”, destacou.

Para Luizão, o resultado das eleições em Pinhais se deve ao compromisso assumido e cumprido. “Lá em 2008, nós realizamos uma campanha muito ‘pé no chão’ e apresentamos um plano de governo que contemplava todas as áreas com soluções viáveis, pois sabíamos que dava para fazer mais e fizemos”, destacou o prefeito. Para Luizão, o Marli e Rosa terão condição de dar sequência ao bom trabalho. “Pinhais precisa de gente séria e competente para administrar e é por isso que eu sempre apoiei as duas, pois elas sempre estiveram conosco nesta construção de uma cidade melhor para se viver”, completou.

Uma nova cidade

Problemas históricos no município como as enchentes foram enfrentados com obras de limpeza e dragagem dos rios. Segurança, saúde e educação foram encarados com prioridade, com a implantação da Guarda Municipal, reabertura do Hospital e Maternidade e implantação das escolas em tempo integral como carros chefes destas áreas. Além disso, a cidade que carecia de infraestrutura passou a ter praticamente todas as ruas pavimentadas, construções de parques, atração de empresas e novos prédios públicos que hoje atendem a população.

 

Exibindo Inscrições Copa Futsal.JPG

A Copa Pinhais de Futsal será disputada nas categorias Feminina, Masculina e Máster Masculino

Estão abertas as inscrições para a 19º Edição da Copa Pinhais de Futsal, promovida pela Secretaria Municipal de Cultura, Esporte e Lazer. A competição será realizada no Ginásio Poliesportivo Tancredo Neves.

As equipes interessadas têm até o dia 7 de outubro para se inscrever. Haverá a inscrição solidária, que é uma colaboração com 10 latas de leite em pó, que serão encaminhadas à Secretaria Municipal de Assistência Social e posteriormente destinadas à doação.

O Congresso Técnico da 19ª Copa Pinhais de Futsal será no dia 11 de outubro, no Centro Cultural Wanda dos Santos Mallmann. Cada time poderá inscrever no máximo três atletas que não são do município. A 19ª Copa Pinhais de Futsal, será disputada nas seguintes categorias:

Masculina (aberto)

Feminina (aberto)

Máster (masculino – acima de 35 anos – nascidos até 31 de dezembro de 1981).

Serviço

Os jogos serão realizados no Ginásio Poliesportivo Tancredo Neves, que está localizado na Rua 11 de junho, 673, no Centro. Informações pelo telefone: (41) 3912-5250.

No dia 24 de setembro será realizada em Pinhais mais uma Feira de Adoção de Animais. A ação acontece das 13h30 às 17h30 no Bosque Municipal

Exibindo Feira Adoção 24-09.JPG

A iniciativa é desenvolvida pela Secretaria de Meio Ambiente. A ação será realizada das 13h30 às 17h30 no Bosque Municipal

No próximo sábado, dia 24 de setembro, será realizada em Pinhais mais uma edição da Feira de Adoção de Animais. A iniciativa é desenvolvida por meio da Seção de Defesa e Proteção Animal, da Secretaria de Meio Ambiente. De acordo com a organização, em caso de ocorrência de chuva, a feira fica automaticamente cancelada. A ação acontece das 13h30 às 17h30 no Bosque Municipal.

Interessados em adotar deverão apresentar a carteira de identidade e CPF, e assinar um termo de compromisso. Para serem doados os animais devem estar devidamente vacinados, vermifugados e, os que possuam mais de seis meses de vida, castrados. A comprovação de tais procedimentos deve ser apresentada por meio de documento no dia da feira. Durante o evento, os novos tutores receberão todas as orientações quanto aos cuidados com o novo membro da família.

Ao se inscrever, por telefone, o doador deve estar ciente da necessidade de providenciar meio de transporte para conduzir o animal até o local, bem como lhe proporcionar conforto, levando guia, cercado ou gaiola. Também caberá ao doador disponibilizar comida, água limpa e fresca, jornais ou caixas, e tudo deverá ser devidamente descartado ao final do evento. Além disso, deverá acompanhar seu animal até o término da feira, e caso o animal não seja adotado, ele continuará sob sua responsabilidade.

Serviço

O Bosque Municipal de Pinhais fica na Rua 24 de Maio, esquina com a Avenida Nossa Senhora da Boa Esperança, no bairro Centro. Mais informações e inscrições com a Seção de Defesa e Proteção Animal, pelo telefone (41) 3912-5705.

No sábado (24) acontece o Dia de Mobilização Nacional e as unidades atenderão a população das 8h às 17h

Até o dia 30 de setembro as Unidades de Saúde da Família de Pinhais participam da Campanha Nacional de Multivacinação. No sábado (24) acontece o Dia de Mobilização Nacional e as unidades atenderão a população das 8h às 17h.

Exibindo Multivacinação.jpg

A Secretaria Municipal de Saúde salienta que a vacina contra a poliomielite, administrada via oral, será provida seletivamente nas crianças que ainda não tem o primeiro reforço, realizado aos 15 meses, ou o segundo reforço, fornecido aos 4 anos. Portanto, não será feita vacinação indiscriminada com esta vacina.

A Campanha Nacional de Multivacinação é a estratégia que a Coordenação Geral do Programa Nacional de Imunização adotou com a finalidade de atualizar a situação vacinal da população menor de 5 anos de idade. Em 2016, incorporaram-se à estratégia as crianças de 9 e adolescentes de 10 anos a menores de 14 anos 11 meses e 29 dias.

De acordo com o Ministério da Saúde o objetivo da mobilização é convocar as famílias para levarem os filhos aos postos de vacinação, principalmente para completar as doses que estiverem pendentes.

Confira o quadro demonstrativo das vacinas disponibilizadas na Campanha Nacional de Multivacinação para crianças menores de 5 anos de idade:

 

 

Vacinas

 

 

Esquema vacinal

 

 

BCG

 

Dose única ao nascer. Disponível para crianças menores de cinco anos não vacinadas.

Hepatite B

Administrar uma dose ao nascer, podendo ser administrada até um mês de idade em crianças não vacinadas.

Para a criança maior de um mês de idade não vacinada, agendar a vacina penta para os dois meses de idade.

Penta

Criança de dois meses a menor de cinco anos de idade (quatro anos, 11 meses e 29 dias) deverá iniciar e concluir o esquema básico com esta vacina.

Ø  1ª dose aos dois meses

Ø  2ª dose aos quatro meses

Ø  3ª dose aos seis meses

VIP

Criança a partir de dois meses de idade a menor de cinco anos de idade (quatro anos, 11 meses e 29 dias) deve receber três doses desta vacina com intervalo de dois meses entre elas.

Ø  1ª dose aos dois meses

Ø  2ª dose aos quatro meses

Ø 3ª dose aos seis meses

VOPb - vacina oral poliomielite bivalente (substituiu a VOPt)

Criança a partir dos 15 meses a menor de cinco anos de idade (quatro anos, 11 meses e 29 dias) deve receber:

Ø  1º reforço aos 15 meses

Ø  2º reforço aos quatro anos

Atenção: a vacinaVOPb está substituindo a vacina VOPt, portanto, deverá ser administrada seletivamente nas crianças que ainda não tem o 1º ou o 2º reforço. NÃO SERÁ FEITA VACINAÇÃO INDISCRIMINADA COM ESTA VACINA.

Rotavírus humano

Ø  1ª dose aos dois meses

Ø  2ª dose aos quatro meses

Criança com idade de um mês e 15 dias a três meses e 15 dias pode receber a 1ª dose.

Criança com idade de três meses e 15 dias a sete meses e 29 dias pode receber a 2ª dose desta vacina.

Pneumocócica 10 valente

Criança a partir dos dois meses de idade deve receber duas doses desta vacina com intervalo de 60 dias entre elas, e uma dose de  reforço, preferencialmente aos 12 meses de idade, podendo ser administrada até os quatro anos de idade (quatro anos 11 meses e 29 dias).

 

Criança que iniciou o esquema básico após seis meses de idade, considerar o intervalo mínimo de 30 dias entre as doses e completar o esquema até os 12 meses de idade. O reforço deve ser administrado após 12 meses de idade, preferencialmente, com intervalo mínimo de 60 dias após a última dose. Nesta situação, administrar a dose de reforço até os quatro anos de idade (quatro anos, 11 meses e 29 dias). 

 

Criança entre um e quatro anos de idade com esquema completo de duas ou três doses (conforme o esquema adotado até 2015), mas sem a dose de reforço, administrar o reforço. 

 

Criança entre um e quatro anos de idade, sem comprovação vacinal, administrar uma única dose.

 

Meningocócica C conjugada

Criança a partir dos três meses de idade deve receber duas doses desta vacina com intervalo de 60 dias entre elas, e uma dose de  reforço, preferencialmente aos 12 meses de idade, podendo ser administrada até os quatro anos de idade (quatro anos, 11 meses e 29 dias). Intervalo entre as doses é de 60 dias, mínimo de 30 dias.

 

Criança que iniciou o esquema após cinco meses de idade deve completá-lo até 12 meses, com intervalo mínimo de 30 dias entre as doses; administrar o reforço com intervalo mínimo de 60 dias após a última dose.

 

Criança entre um ano a quatro anos de idade com esquema completo de duas doses, mas sem a dose de reforço, administrar  o reforço. 

 

Criança entre um e quatro anos de idade, sem comprovação vacinal, administrar uma única dose.

Febre amarela

Criança residente ou viajante aos nove meses de idade deve receber uma dose aos 9 meses e um reforço aos quatro anos de idade, de acordo com a área de recomendação de vacinação.

 

Crianças indígenas devem receber uma dose desta vacina aos 9 meses de idade e um reforço aos 4 anos, independente da área onde residem.

 

Criança até 4 anos de idade não vacinada, deverá receber uma dose da vacina e agendar o reforço com intervalo mínimo de 30 dias entre as doses.

 

Criança menor de dois anos de idade não vacinada, não administrar as vacinas tríplice viral ou tetra viral simultaneamente com a vacina febre amarela. Quando observada essa especificidade, agendar as outras vacinas com intervalo mínimo entre as doses de 30 dias, salvo em situações especiais que impossibilitem manter este intervalo (considerar 15 dias).

Tríplice viral

Criança deve receber a 1ª dose da vacina aos 12 meses de idade e agendar para os 15 meses de idade a tetra viral ou tríplice viral mais varicela (atenuada), conforme a disponibilidade da vacina.

 

Manter intervalo mínimo de 30 dias entre as doses para as crianças que chegarem aos serviços após 14 meses de idade.

Criança maior de 15 meses de idade sem nenhuma dose deve receber a 1ª dose e agendar a 2ª obedecendo ao intervalo mínimo de 30 dias entre elas.

Tetra viral ou tríplice viral + varicela (atenuada)

Criança deverá receber uma dose da vacina tetra viral entre 15 e 23 meses de idade desde que já tenha recebido a 1ª dose da vacina tríplice viral. Não administrar a partir de 2 anos de idade.

                       

Na indisponibilidade da vacina tetra viral, administrar simultaneamente a 2ª dose de tríplice viral e uma dose de vacina varicela (atenuada).

DTP

Criança a partir dos 15 meses de idade a menor de cinco anos de idade (quatro anos, 11 meses e 29 dias) deve receber dois reforços.

Ø  1º reforço aos 15 meses

Ø  2º reforço aos quatro anos

 

Criança a partir de 15 meses e menor de quatro anos de idade, sem reforço: administrar o 1º reforço, e agendar o 2º reforço para os quatro anos de idade.

 

Criança com até quatro sem nenhum reforço administrar o 1º reforço. Neste caso estas crianças ficam liberadas do segundo reforço. Agendar dT para 10 anos após esse primeiro reforço.

 

Na indisponibilidade da vacina DTP, como reforço administrar a vacina penta.

Hepatite A

Criança deve receber uma dose aos 15 meses de idade. A idade máxima para administração é um ano, 11 meses, 29 dias.

 

Quadro demonstrativo das vacinas disponibilizadas na Campanha Nacional de Multivacinação para crianças de9 anos e adolescentes de 10 anos a menores de 15 anos de idade:

                   

 

Vacinas

 

Esquema vacinal

 

Hepatite B

Criança e adolescente comprovadamente não vacinada com a vacina hepatite B ou com a penta e adolescente sem comprovação vacinal: deve receber três doses da vacina hepatite B com intervalo de 30 dias entre a primeira e a segunda dose e de seis meses entre a primeira e a terceira dose (zero, um e seis meses).

Criança e adolescente com esquema vacinal incompleto: não necessita reiniciar o esquema, apenas completá-lo conforme situação encontrada.

Gestante adolescente não vacinada ou com esquema incompleto deve ser vacinada com avacina hepatite B de acordo com a situação vacinal, iniciando, ou completando o esquema. A vacina pode ser administrada a partir da comprovação da gravidez, em qualquer idade gestacional.

Febre amarela

Criança ou adolescente residente ou viajante deve receber uma dose da vacina e um reforço, a depender da situação vacinal:

Recebeu duas doses da vacina: considerar vacinado. Não administrar nenhuma dose.

Recebeu uma dose da vacina antes de completar cinco anos de idade: administrar um reforço, com intervalo mínimo de 30 dias entre as doses.

Nunca vacinados ou sem comprovante de vacinação: administrar uma dose da vacina e agendar um reforço após10 anos.

Gestantes, independente do estado vacinal, a vacinação não está indicada. Na impossibilidade de adiar a vacinação, em situações de emergência epidemiológica, vigência de surtos, epidemias ou viagem para área de risco de contrair a doença, o médico deverá avaliar o benefício/risco da vacinação.

 Adolescentes que estejam amamentando crianças com até 6 meses de idade, independentemente do estado vacinal: a vacinação não está indicada, devendo ser adiada até a criança completar 6 meses de idade.

Adolescentes que estejam amamentando e forem vacinadas inadvertidamente, suspender o aleitamento materno e encaminhá-la para o serviço de referência para orientações.

Tríplice viral

Criança ou adolescente que comprovar duas doses da vacina tríplice viral deve ser considerado vacinado.

 

Criança ou adolescente não vacinado ou com esquema incompleto, deve ser vacinado com a vacina tríplice viral conforme situação encontrada, considerando o intervalo mínimo de 30 dias entre as doses.

 

Esta vacina é contraindicada para gestantes

dT

Criança a partir de sete anos de idade ou adolescente não vacinado ou sem comprovação vacinal para difteria e tétano, administrar três doses com intervalo de 60 dias entre elas, mínimo de 30 dias.

 

Criança ou adolescente com esquema incompleto para difteria e tétano, completar esquema de três doses, considerando as doses anteriores, com intervalo de 60 dias entre elas, mínimo de 30 dias.

 

Na gestante a vacina dupla adulto (dT) pode ser administrada a partir da comprovação da gravidez, em qualquer período gestacional. Completar o esquema vacinal, preferencialmente até 20 dias antes da data provável do parto. Verificar o período da gestação e indicação da vacina dTpa, considerando que toda gestante deve receber pelo menos uma dose de dTpa durante a gestação.

dTpa

Gestante a partir da vigésima sétima semana (27a) a trigésima sexta (36a) semana de gestação, preferencialmente, administrar a vacina dTpa até 20 dias antes da data provável do parto, considerando o histórico vacinal de difteria, tétano (dT).

 

Gestantes que residem em áreas de difícil acesso poderão ser vacinadas a partir da vigésima (20a) semana de gestação.

HPV

Nas meninas de nove anos e nas adolescentes de 10 anos a menores de 13 anos, 11 meses e 29 dias de idade, administrar duas doses, com intervalo de seis meses entre elas.

 

Esta vacina está contraindicada para gestante.

 

Meninas que receberam a D1 e não completaram o esquema vacinal, mesmo após o período de 6 meses, devem receber a D2. Esta segunda dose pode ser administrada no máximo até 14 anos, 11 meses e 29 dias.

 

Meninas que receberam a D2 com menos de 6 meses após terem recebido a D1, devem receber uma terceira dose para completar o esquema, visto que a resposta imune está comprometida pelo espaço de tempo entre a primeira e a segunda doses.

 

Não administrar D1 para meninas maiores de 13 anos, 11 meses e 29 dias.

 

Meninas que já completaram o esquema vacinal com a vacina bivalente não devem ser revacinadas,

 

Nas meninas de nove anos e nas adolescentes de 10 anos a menores de 15 anos de idade, vivendo com HIV/Aids, administrar três doses com intervalo de dois meses entre a primeira e a segunda dose e seis meses entre a primeira e a terceira dose (esquema 0, 2 e 6 meses). Para a vacinação deste grupo, mantém-se a necessidade de prescrição médica.

 

Serviço

Confira o endereço e telefone das Unidades de Saúde da Família de Pinhais:

 

USF Tarumã- Rua Guilherme Weiss, 500, Estância Pinhais. Telefone: (41) 3912-5351.

USF Perdizes- Rua Crescêncio Batista, 514, Jardim Atuba. Telefone: (41) 3912-5359.

USF Tebas- Avenida Juriti, 132, Jardim Claudia. Telefone: (41) 3912-5358.

USF Perneta- Rua Maximiliano Rohrsetzer, 983, Emiliano Perneta. Telefone: (41) 3912-5357.

USF Esplanada- Rua Gana, 126, Centro. Telefone: (41) 3912-5356.

USF Vargem Grande- Rua Guilherme Ceolin, 551, Vargem Grande. Telefone: (41) 3912-5353.

USF Maria Antonieta- Rua Jerônimo Mendes dos Santos, 506, Maria Antonieta. Telefone: (41) 3912-5364.

USF Weissópolis- Rua Rio Trombetas, 888, Weissópolis. Telefone: (41) 3912-5352.

USF Ana Nery- Rua Jacarezinho, 1945, Alto Tarumã. Telefone: (41) 3912-5377.

USF Vila Amélia- Rua Arthur Bernardes, 342, Jardim Amélia. Telefone: (41) 3912-5365.

 

PUBLICIDADE LEGAL

 

PUBLIQUE SÚMULAS

FALE CONOSCO

tudoPinhais@gmail.com

(41) 36638447

41-99690-0125

 

CONTATO COMERCIAL

atendimento pelo email:

tudoPinhais@gmail.com

 

Visitantes

004108573
Hoje
Ontem
Ultima Semana
Ultimos Mêses
Este Mês
Último Mes
Total Geral
1963
1795
6792
4086429
30158
52870
4108573

Your IP: 172.69.63.75
Server Time: 2020-07-14 10:17:34

Facebook